Quem ama, cuida

Crônica
de Antonio Rochael Jr.*

Ao caminhar pela Orla do Mar Pequeno, num dos pontos mais culminantes da nossa Iguape após os festejos de Agosto, observei nitidamente os estragos deixados pelos feirantes e pelos parques naquele local. Jardins e calçamentos danificados e que continuam assim há quatro meses, isso se já não bastassem os estragos que fazem os nossos vândalos.

Será que não existiria por parte da municipalidade uma fiscalização mais acentuada e rigorosa, para que isso não viesse a acontecer? Será que a arrecadação nos aluguéis dos espaços
comercializados nos festejos não foi suficiente para cobrir o que se perdera? Será que esse local não mereceria agora mais reparos? Ou mesmo uma restauração cuidadosa e fiscalização?

A vegetação daninha dentro do Mar Pequeno continua sufocando a corrente das águas. Há pouco tempo um pequeno serviço de limpeza fora feito sem acabamento necessário.

O legendário Porto Grande coberto pelas algas, pneus velhos e lixos de toda natureza atirados por ali, vêm apodrecendo no lamaçal, proliferando mau cheiro, mosquitos e outros insetos. Será que isto não vem causar doenças? Será que as autoridades do município não estão observando esses detalhes e prejuízos a população? Será que não existe por ali o mosquito da Dengue, que tanto vem crescendo no município? Tudo isso à luz do dia e na escuridão da noite, sem nenhuma providência. Rico Rebocador, ofertado pela Marinha de Guerra brasileira, à Prefeitura de Iguape, como símbolo da navegação lá está jogado as intempéries.

Quem ama, cuida. Quem ama Iguape não deixa que isso venha acontecer, pois, jamais existiriam críticos de plantão em Iguape, o que realmente existe são espíritos de cidadãos honestos, observadores sensíveis e sempre preocupados com essas situações. O direito constitucional garante na democracia, criticas construtivas em favor de todos.

Quem ama a vida, preserva a sua saúde e seus bens materiais dentro de uma consciência útil e transparente. Quem ama Iguape obrigam-se a apresentar sugestões e cobrar dos políticos responsáveis suas promessas que tanto anunciaram e propagaram nas suas campanhas eleitorais. Nós, nos bastidores que amamos esta terra, lastimamos.

Se formos considerar como grande obra a Urbanização da Orla do Valo Grande em Iguape na Baixada do Ribeira, teríamos que rever se de fato houve respeito ao cronograma de um Projeto prometido e não cumprido. O governo deixou de realizar na íntegra o projeto inicial pela ordem: Desassoreamento do rio iniciando-se pela Barra do Ribeira, a Eclusa (esquecida), Barragem, Comportas na cabeceira do Valo e finalmente o enrocamento às margens no canal do Valo Grande depois de tudo concluído, aí sim poderíamos chamar de grande obra. No entanto, apenas este último se encontra em fase conclusiva e com muita precariedade. Vimos aí então, que se inverteram a ordem no Projeto.

Portanto, diríamos ainda, invertida a ordem do projeto e sem nenhuma solução pela demora na continuidade nas referidas obras, ficando para trás as mais importantes, causadas talvez pela grande “burocracia”… Então, por conta das intempéries do “Universo” e da insensibilidade dos governantes, corroem-se as ferragens que lá estão das prometidas obras, jogando-se nas águas turvas e profundas do canal do Valo Grande de Iguape, o montante financeiro das tão sonhadas Barragem e Comportas. Até quando iremos continuar sonhando?…

“O Poder não é dado para mandar mais, mas para servir melhor”.

IGUAPE: iguapenses somos nós seus filhos, pois quem ama, cuida.

*Antonio Rochael é professor e sociólogo – antoniorochael@gmail.com

Anúncios

2 Respostas para “Quem ama, cuida

  1. Concordo com voce, o que prejuca a natureza é obvio que a nós ,ao nosso vizinho ou melhor aá todos

  2. josé pinheiro santana

    se todos que usufluem da ilha comprida contando com os turistas tambem colaborassem em juntar seus proprios lixos e não destruindo a fauna e a flora,este paraiso chamado ilha comprida seria perfeito em todos os sentidos.Parabens pelo jornal de vcs.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s