SP leva prevenção do câncer a 1,5 milhão de alunos

Programa “Educar é prevenir”, parceria das secretarias da Educação e Saúde com o Instituto do Câncer de São Paulo, vai atingir estudantes da rede pública de ensino paulista

As secretarias de Estado da Saúde e da Educação, em parceria com o Instituto do Câncer do Estado de São Paulo (Icesp), lançam nesta quinta-feira, 24 de novembro, um programa inédito de prevenção do câncer nas escolas da rede estadual.

Batizado de “Educar é prevenir”, o projeto pretende levar a 1,5 milhão de alunos a importância do cuidado com a saúde para evitar diversos tipos de câncer. O alerta também marcará o Dia Nacional de Combate ao Câncer, comemorado em 27 de novembro.

No dia do evento, o Icesp irá deslocar, simultaneamente, 80 médicos em 80 escolas estaduais da capital, promovendo uma série de palestras para os alunos do Ensino Médio.

Com esta ação, cerca de 24 mil estudantes receberão, em um único dia, orientações sobre a doença, importância da prevenção, além de uma cartilha informativa e um vídeo gravado com os próprios médicos do Instituto. Esse material também será disponibilizado em toda a rede estadual de ensino.

Além dos alunos, a população também terá acesso ao projeto. O governo do Estado disponibilizará no portal da Secretaria da Educação, da Saúde e do Icesp todo o material de prevenção apresentado aos alunos.

No início do próximo ano, o programa “Educar é Prevenir”, atingirá todos os diretores das escolas do Estado. O Icesp irá promover uma série de videoconferências com esses profissionais, fornecendo treinamento sobre a prevenção do câncer. O objetivo é que esse conteúdo seja inserido pelos próprios professores durante as aulas. Com isso, a informação será cada vez mais disseminada entre os jovens, alertando sobre a importância da prevenção durante a adolescência.

“Esse projeto, além de grandioso, é fundamental para alertamos nossos alunos sobre o câncer, mostrando que é possível sim evitar a doença, com conscientização sobre hábitos saudáveis como não fumar, manter alimentação balanceada e realizar exames preventivos indicados em cada faixa etária”, afirma Giovanni Guido Cerri, secretário de Estado da Saúde.

“Com esta ação, os alunos passam a ser multiplicadores da informação, além de crescerem conscientes de que é possível prevenir males futuros”, completa o secretário de Estado da Educação, Herman Voorwald.

Prevenção

A prevenção é a principal arma contra o câncer. Hábitos como o tabagismo, consumo de bebidas alcoólicas, sedentarismo, alimentação inadequada e prática de sexo sem proteção, entre outros, são fatores que estão diretamente ligados ao desenvolvimento de diversos tipos de tumores. Evitar esses hábitos e manter uma vida saudável pode ajudar a prevenir a doença.

“É fundamental que a prevenção comece bem cedo, sendo não só uma preocupação com o presente, mas, principalmente, com o futuro. O câncer pode ser evitado em muitos casos e manter hábitos saudáveis é o primeiro passo para combatermos a doença”, alerta Paulo Hoff, diretor geral do Icesp.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s