Programa valoriza o potencial turístico do Vale do Ribeira

Iniciativa do Escritório Regional do Sebrae-SP foi lançada oficialmente durante a 4ª Feira da Pupunha e do Agronegócio, realizada em Juquiá.

O Vale do Ribeira vem passando por um processo de aperfeiçoamento das suas cadeias produtivas, que vem atraindo negócios e desenvolvimento. Agora é a vez de investir, também, na força do Turismo. O Escritório Regional do Sebrae-SP acaba de lançar o projeto Circuito Turístico do Vale do Ribeira. A iniciativa tem o objetivo de estimular uma ação organizada entre os municípios com base em um planejamento que integre todas as principais potencialidades locais.

“O Circuito Turístico do Vale do Ribeira foi construído por vários atores da iniciativa pública e privada que compõem a governança. É um projeto da região e não só do SEBRAE-SP”, destaca a gerente do Sebrae-SP no Vale do Ribeira, Claudia Noemi Gervasio Bilche. Ela acrescenta, ainda, que o projeto vai capacitar dos empresários dos diferentes segmentos que integram a cadeia do turismo, organizar e criar uma identidade regional, o que vai permitir uma oferta serviços de qualidade, trazer mais turistas e gerar mais negócios. O projeto tem os seguintes focos estratégicos: formação e adaptação dos atrativos; capacitação de empresários e operacionais; sensibilização da comunidade; estrutura de recepção; e fortalecimento dos segmentos de alimentação fora do lar, hospedagem e agências de turismo.

O analista do ER Vale do Ribeira do Sebrae-SP e responsável pelo projeto, Bruno José dos Santos, apresentou as propostas do circuito para empresários e lideranças da região. Até março de 2014, o objetivo do programa é formatar 42 atrativos naturais e culturais; aumentar em 10% a taxa de ocupação nos hotéis e pousadas e da procura por alimentação fora do lar; além de estruturar 5% das agências emissivas para realizarem o receptivo. Para dezembro de 2015, a meta é desenvolver um artesanato com identidade regional, que proporcione um crescimento de 10% nas vendas de produtos diferenciados no local.

Faz parte do projeto, ainda, a produção de um catálogo, acompanhado de um CD, guia de bolso, site e aplicativos para smartphones que trarão as opções de turismo e serviços. “Vamos oferecer aos empresários envolvidos seminários de inovação e tendências ao longo da formação do circuito. A proposta é valorizar três microrregiões dentro do Vale do Ribeira: as praias, as cavernas e as opções oferecidas no eixo da Rodovia BR 116. Há 14 milhões de habitantes nas regiões da Capital, Baixada Santista, Sorocaba e Curitiba, , maior pólo emissivo de turistas do Brasil. É um grande potencial turístico que podemos atender”, frisou Bruno José dos Santos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s