Festividades juninas de Iguape reune mais de 10 mil pessoas

Enquanto a Saúde e as condições das ruas esburacadas continuam precárias, o evento foi custeado com dinheiro público da Prefeitura de Iguape e do Governo do Estado de São Paulo. O montante gasto não foi divulgado, por enquanto; o evento durou 4 dias, de 13 a 16 de junho e teve público de 10 mil pessoas nos “dias de festa”.

Este slideshow necessita de JavaScript.


Muita animação, criatividade, música, quadrilhas, bingos, comidas e bebidas típicas em homenagem a três santos católicos: Santo Antônio, São João e São Pedro. As festas juninas fazem parte de uma das manifestações populares católicas.

Na culinária, a novidade foi o pastel enrolado com três recheios da Creche Mariquinha Ferro, o espaguete na chapa da Colônia dos Pescadores e o Rap 10 do projeto Folha Junior (futsal), que nada mais é que uma massa semelhante à de panqueca, porém mais fina e crocante com recheio. Outras entidades e escolas como a Alfa III, Projeto Fazendo Acontecer, Apae, Gaari – Grupo de Apoio aos Animais, Promoção Social, Associação de Judô Yoshida, Capoeira Nosso Senhor do Bom Fim, Academia G.E.R.M.A.N.O., Escola Municipal do Icapara, GRES Alvorada, Associação dos Artesãos, Casa da Sopa, SABAV, Melhor Idade e CAPS, também ofereceram artesanato, doces, salgados, pinhão, quentão, caldo verde, entre outras delícias irresistíveis.

No sábado, um grupo de 15 jovens intercambistas internacionais do Rotary, pertencentes ao distrito 4610 (São Paulo), com idades entre 15 e 19 anos, vindos da Alemanha, México, Dinamarca, Austrália, Nova Zelândia, Timor Leste, África do Sul e Hungria, prestigiaram o evento a convite do prefeito Tony Ribeiro, que também é rotariano e hospeda há um ano a mexicana Marlene, que se despede em agosto do nosso País. Em setembro o Iguapense, Edmilson Ramponi Junior, irá para a Turquia.

Quanto à programação, pelo Circuito Cultural Paulista o evento contou com a apresentação da Dança Sambada de Reis e Aragão e Banda, pela secretaria de Estado da Cultura. O grupo da Melhor Idade apresentou quadrilha e danças folclóricas, teve também a alegre quadrilha do Porto do Ribeira e das crianças do Projeto Fazendo Acontecer. Jeferson Luiz e Junior, o Trio Gandaia e Juliano Souza animaram o público com o melhor do sertanejo, forró e arrocha. No domingo, último dia, devido ao mau tempo e as fortes chuvas, o show da dupla Daniel e Jorge Lucca foi cancelado, porém transferido para a Festa da Tainha que será realizada na segunda quinzena do próximo mês de julho e a quadrilha da Tia Chalico, de São Vicente, aproveitou uma trégua da chuva e conseguiu se apresentar com seu divertido figurino. Fogos coloriram o céu para anunciar o encerramento da festa. O evento foi realizado pela Prefeitura, por meio dos departamentos de Educação, Cultura, Eventos e Turismo.

Anúncios

Uma resposta para “Festividades juninas de Iguape reune mais de 10 mil pessoas

  1. Não devemos permitir anúncio institucional e a promoção de nenhum evento com dinheiro público poque os políticos vivem alegando que os serviços públicos não são melhores por falta de verba.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s