Bélgica: Primeiro-ministro Alexandre de Croix renuncia após derrota eleitoral

A Bélgica está atolada em uma crise política com eleições parlamentares e eleições europeias

Bélgica: Primeiro-Ministro Alexandre de Croix demite-se após derrota nas eleições europeias

O primeiro-ministro belga, Alexandre de Croix, anunciou a sua demissão após admitir a derrota do partido liberal Open VLD nas eleições.

“Vou renunciar ao cargo de primeiro-ministro amanhã”, disse Alexandre de Croix, chefe do governo belga de sete partidos.

Com quase 90% dos votos apurados, o Open VLD tem 5,9% – uma queda de 2,7% em relação à eleição anterior. “Mas os liberais são fortes e voltaremos”, acrescentou, depois de felicitar outros partidos pelos resultados (muito favoráveis). O partido nacionalista flamengo N-VA (Nova Aliança Flamenga) é o maior partido nas eleições parlamentares da Bélgica, à medida que os liberais do primeiro-ministro Alexandre de Krook se juntam às eleições europeias.

No sul da Bélgica francófona, onde liberais e socialistas lutaram pelo primeiro lugar, o resultado não foi claro, uma vez que foram contados menos votos. Neste contexto, esperam-se negociações duras nos próximos meses para formar uma coligação governamental entre os principais partidos de direita do norte de língua neerlandesa e os partidos de esquerda do sul de língua francesa.

Até então, o governo de Croix será o zelador.

READ  Putin lança campanha anticorrupção

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *