O site mais perigoso da Internet: seu potencial aterrorizante (vídeo)

O serviço é gratuito em um nível básico, permitindo que qualquer pessoa interessada e preocupada veja onde e como suas imagens estão sendo utilizadas online.

Na era digital, onde Local na rede Internet se tornou Vasto repositório de informações Em seus quatro anos de existência, surgiu um novo desenvolvimento que complica a tecnologia Inteligência artificial junto com inúmeros outros Informação Disponível. Este desenvolvimento trouxe à luz um potencial perturbador: A capacidade de projetar qualquer imagem de si mesmo na Internet.

O BratosUm site perigosamente chamado “Site mais chato da internet”, aproveita esta oportunidade. O site oferece um serviço simples, mas profundamente impactante: Os usuários podem enviar sua fotoDevido a esta Bratos Pesquise na web e nos bancos de dados de inteligência artificial para encontrar todas as imagens que correspondam ao rosto do usuário. Esta é cada foto sua postada na internet em sites de redes sociais como este Facebook E LinkedInSeja em sites profissionais, ou em cantos menos movimentados da internet.

O serviço é gratuito em um nível básico, permitindo que qualquer pessoa interessada e preocupada veja onde e como suas imagens estão sendo utilizadas online. Em poucos minutos, os usuários veem resultados que podem surpreendê-los, perturbá-los ou chocá-los.

No entanto, esta tecnologia tem suas desvantagens. Os resultados da pesquisa ocasionalmente contêm imagens de pessoas que parecem usuários, mas na verdade não são usuários, destacando as limitações e possíveis problemas de um serviço alimentado exclusivamente por inteligência artificial.

Para quem procura aprofundar a sua presença digital, o The Bratos Fornece uma opção de pesquisa aprimorada. Este serviço premium fornece análises mais aprofundadas e links para todas as instâncias em que as imagens aparecem online. Esse recurso é muito valioso para pessoas que desejam gerenciar sua reputação online ou para pessoas que desejam baixar imagens não autorizadas ou indesejadas.

READ  Alemanha: Situação com reféns termina no hospital de Aachen - 15 reféns estão seguros

manobrar Bratos É inegável. A plataforma explora uma curiosidade global sobre como somos vistos no mundo digital mais amplo. No entanto, também suscita um debate mais amplo sobre o equilíbrio entre inovação tecnológica e direitos de privacidade.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *