Uma chimpanzé em um zoológico de Valência carrega seu bebê morto há meses

Visitantes do zoológico Bioparque da cidade Valência, Espanha Nos últimos três meses encontraram uma cena muito comovente: uma chimpanzé de luto e carregando seu filho morto nos braços.

“Natalia” perdeu o bebê quando tinha apenas alguns dias de vida. Desde então, ela não conseguiu se separar disso.

Assista o vídeo:

“Este comportamento já foi observado em chimpanzés, não apenas em zoológicos, mas também na natureza”, disse Miguel Cazares, chefe do bioparque, à Reuters.

Tal como os humanos, os chimpanzés podem lamentar os seus entes queridos, mas o que é invulgar é um luto mais intenso e prolongado.

Porém, Cáceres afirma que o luto de Natália deve ser respeitado, assim como os humanos: “Nosso público, que inicialmente ficou chocado ao ver o chimpanzé morrer, entende quando explicamos por que o deixamos ir e por que o mantemos.

Natalya também perdeu um filho em 2018 e por isso agora está sendo vigiada de perto.

Os chimpanzés estão entre os animais mais ameaçados de África, com a sua população de 100.000 a 200.000 pessoas afectada pela caça furtiva, perda de habitat e doenças.

Notícias hoje:

Ele estava de férias e viu ladrões invadirem sua casa em Nice ao vivo – fotos documentais

Choque para SYRIZA de 5,92% nas pesquisas TEE: quinto lugar, nova esquerda e Tsipras “aposentado”

Um fazendeiro mata um bandido georgiano a tiros em Kilkis

READ  Fiorentina - Plzen 2-0: olhos nas meias-finais e Toumba

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *