Prefeita de Registro formaliza doação de terreno para construção do SESI e SENAI em Registro

Investimentos podem chegar a R$ 66 milhões

“Dia muito feliz e importante para nós e todo Vale do Ribeira”. Estas foram as palavras da Prefeita Municipal de Registro, no momento da assinatura da escritura que formalizou a doação do terreno de 115.457,20 metros quadrados, pela Prefeitura, para a instalação do Sesi-SP e Senai-SP no bairro Agrochá, em Registro, que estava ao lado do presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) , Sesi e Senai, Dr. Paulo Skaf, dia 7 de dezembro, em São Paulo.

“Essa conquista coloca o Vale do Ribeira na agenda do desenvolvimento do Estado de São Paulo e representa oportunidade de trabalho e garantia do pão na mesa das pessoas. Também é a confirmação que Registro se encaminha para ser o Polo Educacional do Vale do Ribeira e deixará de ser lembrada como região pobre e onde acontece enchente”, disse a Prefeita Sandra Kennedy Viana, em seu discurso emocionado na sala de reuniões da presidência da Federação, junto com outros prefeitos e representantes do Ciesp, das cidades de Rafard, Alumínio e Guarulhos, que também assinaram escrituras doando terreno para instalação do Sesi e Senai.

“Estou feliz de levar essas duas instituições da indústria para o Vale do Ribeira, conhecida como a região pobre, levando mais ensino, cultura e lazer, além de ensino fundamental, médio e profissionalizante. Pai rico não tem filho pobre, portanto, o Estado não poder ter nenhuma região pobre”, disse o presidente da Fiesp, Paulo Skaf, durante sua fala no evento.

De acordo com o diretor de obras do Sesi/Senai, Carlos Eduardo Cabanas, o Centro de Atividades (CAT) do Sesi-SP, no Agrochá, em Registro, terá uma área instalada de 69.617,33 metros quadrados e oferecerá aos industriários e à comunidade em geral além de ensino fundamental integral e ensino médio, serviços nas áreas de educação, saúde, nutrição, cultura e esporte e lazer. O projeto do Senai será erguido em uma área com 27.182,67 metros quadrados. Estão sendo estudados tipos de cursos (profissionalizantes) que terão a unidade de acordo com a vocação da região. “Ao todo, estão previstos paras as duas unidades investimentos em torno de 60 milhões com gasto em obras e equipamentos com prazo previsto de construção no próximo trimestre”, disse.

A diretoria Regional do Ciesp no Vale do Ribeira também comemora essa conquista para a região. “Estamos muitos felizes com essa conquista. Agradeço a prefeita e parabenizo ao Carlos Puzzi pela vinda das escolas para Registro e daqui pra frente vamos conquistar a obra das escolas”, declara diretor adjunto do Ciesp no Vale do Ribeira, Osvaldo Machado.

“Agradeço a todos do Ciesp no Vale do Ribeira (diretor titular, Carlos Puzzi; associado do Ciesp, Rogério Ramponi; diretor adjunto, Osvaldo Machado) pela dedicação e esforço em trazer o Sesi e Senai para o Vale. Estendo os agradecimentos ao diretor do Sesi de Santos, Michel Kabbach, ao empresariado do Vale do Ribeira e aos vereadores Marcos Portela e Manoel Aquino, que em parceria com a Prefeitura foram em busca de apoio do setor produtivo para a retomada do desenvolvimento do Vale do Ribeira”, declara a prefeita Sandra Kennedy.

Histórico – Em julho de 2009, durante visita do presidente da Fiesp e do Sesi/Senai, Dr. Paulo Skaf, houve a primeira tratativa direta sobre a implantação do Sesi e Senai em Registro. Foram feitas tentativas anteriores e protocolos de documentos, mas foi em visita organizada pelo Ciesp Vale do Ribeira, através de presidente regional Carlos Puzzi, que pode se tratar diretamente com o presidente. O desafio era conseguir o terreno adequado para as obras e os recursos financeiros necessários para a compra. Vários terrenos foram oferecidos para análise pelo Sesi/Senai, mas problemas se interpuseram na escolha destes terrenos: avaliação sobre uma eventual dificuldade em obter licença ambiental, situação geológica do terreno ou localização geográfica. Duas áreas foram vistoriadas particularmente pelo presidente Paulo Skaf, em nova visita a Registro, em maio de 2010. Também não foram aprovadas após avaliação técnica da engenharia.

Por fim, pactuou-se em setembro do ano passado que o terreno aqui apresentado seria adequado. E a decisão pela construção das Unidades foram tomadas definitivamente pelo seu presidente, Paulo Skaf, que é também o presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) e acompanhado de perto pelo diretor regional do Senai-SP e superintendente operacional do Sesi-SP, Walter Vicioni, pelo diretor do Sesi Santos, Michel Kabbach e pelo diretor titular do Ciesp no Vale do Ribeira, Carlos Puzzi. De setembro de 2010 até fevereiro deste ano, encaminhou se os procedimentos de pactuação de compra e venda, desafetação e desmembramento de área, escritura e a venda do terreno. E esta semana, 7 de dezembro de 2011 foi formalizada a doação do terreno pela Prefeitura com a assinatura da escritura, em São Paulo, para as construções das Unidades Educacionais do Serviço Nacional da Indústria (Sesi) e do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s