Maroussi: O assassino permanece indescritível

As investigações sobre executivos da EL.AS estão se intensificando. Por identificar e prender o culpado que matou o jovem fora de uma boate em Maroosee. O homem já foi identificado e etiquetado pelas autoridades.

E, segundo relatos, ele não estava sozinho, já que a maioria das cerca de dez pessoas envolvidas na briga fora da loja teria passado criminoso relacionado a roubos de carros.

As autoridades estimaram que a detenção do culpado será a necessidade do momento e foi referido que, além da referida pessoa, procuram outras pessoas que participaram no incidente e escaparam sem serem detidas.

As Crônicas

Um jovem de 23 anos foi esfaqueado no pescoço, um soldado da infantaria de 26 anos e um jovem de 23 anos ficaram feridos. O soldado estava na companhia do agressor, enquanto o outro estava ao lado dos feridos.

O motivo da briga foi que um dos envolvidos, ainda desconhecido, disse: “Vá em frente, você me entendeu errado”. O agressor teria estado dentro do clube e conversava um pouco com outro homem enquanto se divertia. O homem, pouco tempo depois, saiu e voltou à loja com reforços junto com a vítima de 23 anos, que não estava no local no momento.

Em seguida, o criminoso saiu com seu grupo, onde começou a luta assassina. Durante a briga, o jovem de 23 anos teria sacado uma arma do cinto e tentado atirar. Porém, como a arma travou, a vítima passou a ser o agressor e enfiou a faca no pescoço do jovem de 23 anos, deixando-o caído no chão, numa poça de sangue.

Entretanto, durante o incidente, um jovem de 26 anos também ficou ferido com um ferimento no estômago, enquanto outro estava a ser tratado no Hospital da Cruz Vermelha com uma pequena facada nas costas.

READ  O site mais perigoso da Internet: seu potencial aterrorizante (vídeo)

Assista o vídeo

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *